Água responde por 50% do sucesso da suplementação do boi

O zootecnista Tiago Felipini, consultor da Alcance Planejamento Rural, explica os cuidados para o melhor desempenho nutricional do gado.
Água responde por 50% do sucesso da suplementação do boi

Por não parecer, mas a água tem um papel muito importante no desempenho nutricional para a produção de boi gordo. Sabia que ela responde por 50% do sucesso da suplementação do gado de corte?

Quem explicou isso foi o zootecnista Tiago Felipini, consultor da Alcance Planejamento Rural. Ele esteve no Giro do Boi desta quinta-feira,  04.

Ele falou de itens importantes para que o resultado da engorda seja satisfatório no momento do abate do gado.

“A dieta está ligada ao bebedouro da fazenda. A água que o pecuarista está fornecendo aos seus animais tem muita relevância”, diz Felipini.

Há um estudo, por exemplo, que fala da influência da qualidade da água na alta de 29% no ganho médio de peso (GMD) dos animais.

“Eu conheço fazendas que só de cuidar melhor da água tiveram uma evolução entre 100 e 200 gramas de ganho médio diário”, diz o especialista.

Suplementação mineral no cocho do gado

Bovinos em cocho coberto. Foto: Divulgação

O especialista enumerou os suplementos que não podem faltar no cocho dos animais.

São seis itens ao todo: sal branco; sal mineral; sal mineral e ureia; sal nitrogenado; sal proteinado; e ração de 0,5% a 1% de peso vivo do bovino.

Confira no quadro abaixo o resultado esperado em ganho de peso conforme os usos de suplementação.

Não deixe de conferir na íntegra a entrevista com o especialista no vídeo acima. Ele também deu 11 dicas para nutrição de bovinos.

Por: Giro do Boi

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://ruralbook.com.br/rbwzLCY

Mais Agronotícias