Categorias
Eventos do Agronegócio

Diretoria da Agropec reúne com imprensa local em Paragominas

Nesta terça-feira (21), o Sindicato Dos Produtores Rurais de Paragominas (SPRP), promoveu duas reuniões de grande valia, a respeito da realização da 54ª Feira Agropecuária de Paragominas (AGROPEC), a acontecer no período de 23 a 31 de outubro de 2021.

Ambos os diálogos contaram com a presença de Maxiely Scaramussa, presidente do SPRP, Bruno Lombardi Vice-Presidente do SPRP, Leonice Araújo, setor comercial da Agropec, e Antonio Filho, promotor dos shows e proprietário da empresa Shok Produções.
A primeira reunião aconteceu com os membros da imprensa local, visando dialogar sobre a mídia da feira, bem como agregar os comunicadores na realização do evento, debatendo assim sobre todos os questionamentos acerca da Agropec.

Na ocasião, os profissionais puderam tirar dúvidas sobre toda a parte de divulgação do evento, e principalmente sobre as questões do cumprimento dos protocolos de segurança, impostos pelos decretos Estaduais, seguindo o bandeiramento atual (verde).

Pela parte da tarde, a diretoria do SPRP se reuniu diretamente com representantes dos órgãos de segurança pública – Corpo de Bombeiros, Ministério Público, Polícias Civil e Militar, Prefeitura de Paragominas, Secretaria Municipal de Saúde, Conselho Tutelar, e outros – a fim de debater sobre todas as demandas acerca da realização da Agropec, e também discutir sobre os protocolos de segurança.

A Presidente do SPRP, Maxiely Scaramussa, também esclareceu sobre a reunião direta com o Governo do Pará, na presença do Governador Hélder Barbalho, que foi favorável a realização da Agropec, bem como de mais 6 feiras por todo o Estado, e esclareceu quanto a questão da vacinação, obrigatoriedade da apresentação do exame de Covid-19, bem como da carteirinha de vacina, e outros protocolos a serem seguidos à risca, todos de acordo com o Decreto Estadual.

Por: Amanda Silva – Assessoria de Comunicação SPRP

Categorias
Eventos do Agronegócio

Inscrições abertas para a ExpoBrahman 2021

Maior evento da raça Brahman será realizado em outubro com a participação de criadores de várias regiões do país.

Capital mundial do Zebu, a cidade mineira de Uberaba volta a sediar mais uma edição da Exposição Internacional da Raça Brahman (ExpoBrahman), que acontecerá de 11 a 17 de outubro, no Parque Fernando Costa. A expectativa é de que participem criatórios de várias regiões do país.

As inscrições de animais estão abertas e podem ser feitas até o dia 8 de outubro na Associação dos Criadores de Brahman do Brasil (ACBB).

A XVII ExpoBrahman terá dois tipos de competições: o julgamento de pista e o julgamento à campo. As disputas terão início no dia 14 de outubro, com o Julgamento Brahman a Campo. No dia 15 de outubro, será a vez do Julgamento de Pista. A final das duas competições será no dia 16 de outubro.

A escolha do jurado que comandará os grandes campeões do evento será feita pelos expositores, que poderão indicar três profissionais no momento da inscrição, desde que feita até o dia 20 de setembro.

De acordo com o presidente da ACBB, Paulo Scatolin, a ExpoBrahman marca a retomada em 2021 das exposições da raça, que é o zebuíno mais selecionado no mundo. “Esta volta às pistas estava sendo muito aguardada por todos os criadores. Será um momento importante para mostrarmos o criterioso trabalho de seleção do Brahman, raça que tem contribuído sobremaneira para o avanço da pecuária de corte não só do Brasil, mas de dezenas de outros países”, destaca Scatolin.

O evento conta com o apoio institucional da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) e ocorrerá juntamente com a Exposição de Nelore (Expoinel).

A ACBB informa que todos os protocolos sanitários determinados pelas autoridades locais para prevenção da Covid-19 serão seguidos à risca durante todo o evento.

 

Por: Larissa Vieira

Categorias
Eventos do Agronegócio

Bahia Farm Show é remarcada para maio de 2021 por causa da pandemia de Covid-19

“Nosso compromisso não é com números, e sim com vidas”, diz nota assinada pelo presidente da feira, Celestino Zanella

Em meio à colheita da segunda maior safra estadual de soja, negócios na Bahia Farm Show movimentam R$ 1,9 bilhão (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A organização da Bahia Farm Show confirmou que, diante do avanço da pandemia de Covid-19 no Brasil, a feira não será realizada em 2020. Com isso, a 16ª edição está marcada para ocorrer entre 25 e 29 de maio de 2021 em Luís Eduardo Magalhães (BA).

Em comunicado divulgado nesta terça-feira (9/6), os organizadores disseram que a decisão foi “definida em consenso” e levou em conta o calendário de eventos agrícolas do país e o intervalo entre eles, para que as empresas possam participar.

“O nosso posicionamento atende às diretrizes estabelecidas pelos órgãos de saúde dos governos municipal, estadual e federal, em relação à realização de eventos de grande porte”, destacou a organização, lembrando que a Bahia Farm Show reúne cerca de 70 mil pessoas.

A nota, assinada por Celestino Zanella, presidente da feira, também cita que todos os cuidados estão sendo tomados para garantir a realização do evento em 2021. “Nosso compromisso não é com números, e sim com vidas. Temos certeza de que adotando todos os cuidados e, sobretudo, realizando o evento no tempo certo, atingiremos índices históricos de compra, venda e, principalmente, de relacionamento”, afirma.

Fonte: REDAÇÃO GLOBO RURAL

Categorias
Eventos do Agronegócio

Expoama é adiada e fica sem data prevista

De outro lado, Sindicato Rural diz que evento segue forte e deverá acontecer ainda em 2020, tão logo passe a pandemia

Maior feira de agronegócio do interior do Pará, a Exposição Agropecuária de Marabá (Expoama) teve a sua realização em 2020 oficialmente adiada. Foi o que confirmou em primeira mão ao CORREIO o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais, Ricardo Guimarães. A necessidade de adiamento já era uma medida esperada, mas a entidade resolveu fazer de forma oficial, em um comunicado aos associados, expositores e patrocinadores.

O tamanho e proporção da Expoama exigem pelo menos cinco meses de organização prévia, segundo o sindicato e todo esse trabalho já vinha prejudicado, devido à pandemia de covid-19. As programações inerentes ao evento, todas envolvem setores que têm aglomeração na sua essência e que não devem retornar tão cedo, como cavalgada, rodeio, shows musicais e leilões de gado presencial.

Em 2019, a Expoama aconteceu em nove dias, entre a primeira e a segunda semana de julho, e assim seria novamente em 2020. Quanto à possibilidade do evento ainda ocorrer este ano, Ricardo Guimarães se mostra confiante. Ele acredita que a doença ainda possa ser vencida em período razoável, e a exposição aconteça nos últimos meses de 2020. De outro lado, demonstrou que o sindicato tem um plano B, que seria a não realização de Expoama, mas a segunda edição da Feagro, evento menor e de oportunidades de negócios, que teve a sua primeira edição no segundo semestre de 2019, e foi positiva.

O presidente fez questão de frisar que a Expoama segue um evento forte e viável, muito importante para os produtores da região e para o Sindicato, e que vai continuar a existir nos próximos anos, sempre que possível no mês de julho. Sobre os tradicionais leilões, ele acha que vai surgir uma solução para realização online, pelo menos.

Veja o comunicado do Sindicato Rural:

“A Diretoria do Sindicato dos Produtores Rurais de Marabá informa aos expositores, aos patrocinadores, aos sócios e ao público em geral que, devido às recomendações da OMS (Organização Mundial de Saúde), do Ministério da Saúde e das Secretarias de Saúde Estadual e Municipal, no sentindo de evitar eventos com grandes públicos em razão da Pandemia de coronavírus, irá adiar a realização da Expoama 2020.

O Sindicato dos Produtores Rurais de Marabá, ciente de sua missão e de suas responsabilidades, sempre esteve comprometido com a comunidade ao longo de sua história e não seria diferente, neste momento crítico para o país, face ao enfrentamento do coronavírus (COVID-19).

Uma nova data para a Expoama ainda será decidida e informada a todos! | Ricardo Guimarães de Queiroz – Presidente SPRM-Sindicato dos Produtores Rurais de Marabá”.

Por: Correriodecarajas

Categorias
Eventos do Agronegócio

Agrishow 2020 é cancelada e organização confirma próxima edição para abril de 2021

Feira já havia sido adiada em março por causa da pandemia de coronavírus

(Foto: Divulgação/Agrishow)

Maior feira de tecnologia agrícola da América Latina, a Agrishow 2020 foi oficialmente cancelada por conta da pandemia do coronavírus. A organização informou na tarde desta quinta-feira (4/6) que a 27ª edição será realizada entre 26 e 30 de abril de 2021.

No ano passado, a Agrishow recebeu 159 mil pessoas e movimentou R$ 2,9 bilhões, 6,4% a mais do que em 2018. De acordo com a Informa Markets, organizadora da feira, o grande entrave é que a realização só poderia ocorrer em 16 de agosto e estaria condicionada à reabertura das atividades econômicas em Ribeirão Preto Os organizadores também informaram que a feira só seria liberada caso “não houvesse nenhum retrocesso neste cronograma em virtude do aumento dos casos de Covid-19 na região ou mesmo comprometimento do número mínimo de leitos disponíveis, o que são variáveis incontroláveis”.

Outro problema é o tempo de montagem da Agrishow, que leva cerca de 40 dias. “É uma feira que reúne cerca de 800 marcas expositoras, sendo que boa parte dos equipamentos expostos são de grande porte. Isso demanda tempo de preparação e muitas vezes liberação alfandegária, bem como um longo período de planejamento minucioso para que esses equipamentos sejam expostos no evento”, disse a organização, em nota.

Impacto no setor

Segundo o presidente da Agrishow, Francisco Matturro, o cancelamento da feira é uma perda para o setor em 2020. “Todos nós vamos perder alguma coisa. Em primeiro lugar, o bom contato que se faz em uma feira como a Agrishow. O agricultor trocando informações com os técnicos e as marcas expondo os novos produtos, máquinas e equipamentos”, afirmou.

Outro impacto é na venda de máquinas agrícolas, que deve cair mais de 10% no ano segundo a Câmara Setorial de Máquinas e Implementos Agrícolas (CSMIA) da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). Para Matturro, porém, o prejuízo pode ser menor do que o esperado, apesar do cancelamento de várias feiras.

“Em relação ao volume de negócios, temos que esperar para o que vai acontecer. O agro não parou, os supermercados estão supridos, o câmbio também favorece. (Uma retração) de 10% parece algo razoável”, afirmou.

Embora evite fazer uma estimativa sobre o volume de negócios para 2021, o presidente da Agrishow acredita em um bom desempenho para a feira. “Creio que haverá uma curiosidade. O agricultor ou o visitante fica curioso em ver a feira e poderemos ter um volume de negócios ainda maior do que teríamos neste ano”, analisou.

Fonte: Globo Rural

Categorias
Eventos do Agronegócio

Expozebu 2020 em Uberaba é cancelada pela ABCZ por causa da pandemia do coronavírus

Evento estava marcado para ocorrer entre os dias 25 de abril a 3 de maio. ABCZ afirmou que, apesar de difícil, decisão representa a responsabilidade; expectativa era atrair 320 mil visitantes.

Fachada do Parque Fernando Costaé sede da ABCZ em Uberaba — Foto: ABCZ/Divulgação

Por causa da pandemia do coronavírus, a 86ª edição da Expozebu em Uberaba foi cancelada oficialmente. O evento, que estava marcado para ocorrer de 25 de abril a 3 de maio, já havia sido adiado.

A notícia foi divulgada na manhã desta quarta-feira (29) pela diretoria da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). A associação informou que a decisão foi tomada em reunião plena dos diretores da entidade, realizada na terça-feira (28) e considerou as orientações oficiais relativas ao cenário causado pela Covid-19.

Em nota, a associação afirmou que, apesar de difícil, a decisão representa a responsabilidade que sempre pautou as ações da ABCZ durante os 100 anos de existência da entidade.

Também ressaltou que a Expozebu, por ser a maior exposição zebuína do mundo, requer tempo para decisões, planejamento, preparação e execução de ações não só por parte da entidade, como de todos os participantes do evento, sejam eles expositores de gado e de estandes, promotores de leilões, patrocinadores e visitantes nacionais e internacionais.

“Neste momento, aproveitamos para reforçar que a diretoria da ABCZ tem se empenhado na realização de várias ações visando o melhoramento e a promoção do Zebu e também o apoio à pecuária, que continua trabalhando a todo vapor em favor do Brasil. Ao mesmo tempo, manifestamos o nosso compromisso de realizar em 2021 uma Expozebu pra lá de especial”, finalizou.

Expozebu 2020

A Expozebu estava marcada para entre 25 de abril e 3 de maio no Parque Fernando Costa. A expectativa da ABCZ era atrair mais de 320 mil visitantes e movimentar cerca de R$ 250 milhões – 10% a mais que na edição de 2019.

Além dos shows de Marília Mendonça, DJ Samhara, Zé Neto & Cristiano, DJ Eme, Maiara & Maraísa, Yasmin Santos, Enzo Rabelo e Patati & Patatá, na programação estavam previstos expositores comerciais, Museu do Zebu, julgamentos, concurso leiteiro, festival de churrasco, ABCZ Mulher, ABCZ Jovem, Equishow, palestras e novidades do setor no evento “Dias de Campo”, feira de gastronomia e alimentos de Minas e Mérito ABCZ.

Fonte: Por G1 Triângulo e Alto Paranaíba

Categorias
Eventos do Agronegócio

FAEPA divulga calendário de Feiras e Exposições Agropecuárias – 2020

A Federação da Agricultura e Pecuária do Pará (FAEPA), juntamente com O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e Sindicatos, anunciaram nesta última quarta-feira (11) o novo calendário repleto de eventos agropecuários que serão distribuídos por todo o estado do Pará.

O registro dos eventos possibilita as exposições de atividades agropecuárias de cada região, mostra toda a produção do ano e a diversidade cultural, possibilita a negociação dos produtores com os fornecedores. Auxilia também na apresentação de novas tecnologias, práticas de manejo, produtos e serviços para os produtores rurais. O que beneficia o aumento da produtividade na região paraense.

Calendário de eventos agropecuários – FAEPA/SENAR/Sindicatos  

 

 

Categorias
Agronotícias Eventos do Agronegócio

1º Simpósio Nacional de Pecuária de Corte – Agropec Corte será promovido em Paragominas (PA) nos dias 6 e 7 de novembro

Evento é uma realização do Sindicato Rural de Paragominas e Verum Eventos

Nos dias 6 e 7 de novembro, a cidade de Paragominas (PA) sedia o 1º Simpósio Nacional de Pecuária de Corte – Agropec Corte, no Parque de Exposições Amílcar Tocantins. Promovido pelo Sindicato dos Produtores Rurais de Paragominas (SPRP) e pela Verum Eventos, empresa com grande expertise na realização de eventos do agronegócio, o simpósio terá um formato inovador.

Com uma dinâmica diferenciada, o evento terá 8 arenas, onde serão abordados temas que envolvem todo o sistema produtivo da cadeia da carne bovina. Além disso, serão apresentados cases de Paragominas e região para que os produtores possam identificar boas práticas que levam a uma maior eficiência produtiva e consequentemente maior rentabilidade.

“Tecnologias e inovações poderão ser discutidas por pecuaristas não só de Paragominas, mas de todo o Brasil. O que estamos trazendo para esses dois dias é o que há de mais novo e melhor no mercado. O objetivo é realizar dois eventos anuais: um voltado para pecuária e outro, para agricultura”, explica o presidente do SPRP, Murilo Zancaner. “O momento será de confraternização entre a classe, que poderá entender, aprender e se renovar no assunto pecuária de corte, melhorando assim a atividade do setor”, complementa.

Segundo Carla Tuccilio, executiva da Verum Eventos, a Agropec Corte contará com a participação das mais renomadas empresas do setor que apresentarão novas tecnologias aos produtores presentes.

“Durante o simpósio o produtor também poderá ver dados sobre a pecuária sustentável, tão discutida atualmente, o que desmistificará o assunto e permitirá ampliar a visão dos participantes em relação a essa questão. Esperamos que este seja o primeiro de muitos eventos que traremos ao produtor paragominense, bem como o de todo Estado e região”, salienta Carla.

Programação
No dia 6 de novembro (quarta-feira), a Arena 1 tratará de “Demanda X Realidade”, seguida pela Arena 2 “Onde o lucro começa”. Na parte da tarde será a Arena 3 “Diminuindo os intervalos de produção” e Arena 4 “Recria e engorda”. A conclusão do dia será com a Arena Beef, com a degustação de carnes.

Na quinta, 7 de novembro, o dia começa com a Arena 5 “Intensificação como solução” e segue com a Arena 6 “Confinamento”. No período da tarde é a vez da Arena 7 “A chave para um bom resultado”, concluindo com a Arena 8 “Desafios e oportunidades da cadeia produtiva da carne”.

Patrocinam o evento as empresas Biogénesis Bagó, GENEX, DSM/Tortuga, Sicredi, Prodap, AgroCave, CaseIH Primaq, Nutron, Integral Nutrição e Cargill.

As inscrições podem ser feitas pelo link https://bit.ly/30Y61Rt

Categorias
Eventos do Agronegócio

Dia de Campo Agromax (New Holland) – Faz. Franca – Paragominas – PA

[youtube= https://youtu.be/BE1gvo5GPKE]

 

 

Dia de Campo realizado pela Agromax (New Holland) na Fazenda Franca do proprietário Sérgio
Weber em Paragominas – PA

Data: 25/09/2019
Local: Fazenda Franca
Município: Paragominas – PA

Produção e Edição: Rodrigo Fraoli
Agência: Ruralbook – Marketing para o Agro

Inscreva-se em nossos canais nas redes sociais
http://www.instagram.com.br/ruralbook
http://www.facebook.com/ruralbook
http://www.twitter.com/ruralbookagro

Categorias
Eventos do Agronegócio

Belém: 53ª EXPOPARÁ acontece até 31/8 no Parque de Exposição Presidente Médici

As expectativas são positivas para a 53º Expopará – Exposição Agropecuária do Pará, que acontece até sábado, 31 de agosto, no Parque de Exposições Presidente Médici, em Belém, mostrando o resultado de melhoramento genético no Estado, que tem hoje sua pecuária colocada entre as melhores do Brasil. O evento é uma iniciativa da Associação Rural da Pecuária do Pará (ARPP) e conta com a parceria da Superintendência Federal de Agricultura no Pará, Sistema Faepa/Senar, Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará, Associação Brasileira dos Criadores de Zebu, Associação dos Criadores de Guzerá da Amazônia e Núcleo dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador da Amazônia.

Durante o evento será apresentada a Exposição Regional Norte da Raça Guzerá e Julgamento, e ainda, a II Exposição Regional do Cavalo Margalarga Marchado. Na quarta-feira, 28, a Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) promove um Curso de Escrituração Zootécnica, às 8h, e as inscrições são gratuitas mediante disponibilidade de vagas. Para participar, os interessados devem entrar em contato pelo telefone 3231-6917.

A pecuária paraense, a quarta maior do país, desponta no ranking nacional com animais de várias raças classificados como campeões nacionais. Durante a exposição, que movimenta sobremaneira o agronegócio da capital, ocorrerá o XIV Leilão Evolução do Guzerá, uma das atrações mais esperadas pelo público visitante, com participação dos melhores exemplares das raças, contribuindo para aumentar a rentabilidade no setor pecuário. O Leilão acontece na sexta-feira, 30, às 20h, com transmissão presencial e ao vivo pela Leilo Norte, www.leilonorte.com

Mais informações:

EXPOPARÁ 2019

Data: Até 31 de agosto de 2019

Local: Parque de Exposições Presidente Médici – Belém – Pará

Horário: das 8h às 18h

Redes sociais:

Facebook

Instagram