Embrapa desenvolve vacina contra o carrapato bovino

Segundo pesquisador, a eficácia do imunizante é de 69%, mas as pesquisas continuam para melhorar esse índice.

O carrapato bovino já é um desafio conhecido pelos pecuaristas. De acordo com a Embrapa Gado de Corte, a pecuária brasileira perde cerca de US$ 3 bilhões por ano por causa dele. No mundo, o prejuízo passa de US$ 17 bilhões.

Para o controle eficiente, a Embrapa, em parceria com um laboratório farmacêutico, desenvolveu a primeira vacina contra o carrapato.

“A gente vem trabalhando nela há muito tempo, e conseguimos registrar a patente depois de um ano. Isso nos traz uma possibilidade real de oferecer uma ferramenta, a curto prazo, para o controle do carrapato sem uso de produto químico”, diz o pesquisador Renato Andreotti.

Segundo ele, a eficácia do imunizante é de 69% até o momento. “A gente pretende continuar fazendo estudos e aumentar essa eficiência da vacina”, diz.

A vacina já teve a patente aprovada, mas não vai chegar ao mercado neste ano. “Assim como estamos vendo com a vacina da Coronavac, é um processo muito semelhante. Acredito que leve um ano e meio a dois anos para ser aprovado [o uso] junto ao Ministério da Agricultura, sendo bem otimista. A ciência é algo fundamental para o país, e a construção da ciência se dá a longo prazo”, destaca.

Por: Canal Rural

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://ruralbook.com.br/rbzOpqK

Você pode gostar...