Exportações de carne suína crescem 46,74% em julho

Com mais de 90 mil toneladas embarcadas, julho registra segunda maior alta do ano.

Imagem: Pixabay

As exportações de carne suína fresca, refrigerada ou congelada, somaram 90,2 mil toneladas no mês de julho. Volume só foi menor que o registrado em maio este ano, quando a soma foi de 90,7 mil toneladas. Com relação ao mesmo mês de 2019 o incremento foi de 46,74%. Com 23 dia úteis a média diária de embarques registrada no mês foi de 3922,69 toneladas, ante 2673,31 toneladas em julho em 2019.

Ao faturamento no mês de julho foi de US$ 191569,043, 36,12% a mais que o faturamento registrado em julho de 2019, que foi de US$ 140734,93. A média de preço paga por tonelada registrou recuo no comparativo com o mesmo mês do ano anterior passando de US$ 2288,88 em 2019 para US$ 2123,30 em julho de 2020.

Resultados Gerais

No mês de Julho de 2020 as exportações somaram US$ 19,566 bilhões e as importações, US$ 11,506 bilhões, com saldo positivo de US$ 8,06 bilhões e corrente de comércio de US$ 31,072 bilhões . No ano, as exportações totalizam US$ 121,286 bilhões e as importações, US$ 90,902 bilhões, com saldo positivo de US$ 30,383 bilhões e corrente de comércio de US$ 212,188 bilhões.

Por: Suinocultura Industrial

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-6gf

Você pode gostar...