Preço da soja recua nos portos do Brasil

Indústrias esmagadoras mantêm preços médios positivos no mercado interno

Imagem créditos: Eliza Maliszewski

Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da USP), os preços da soja no mercado físico brasileiro fecharam a quarta-feira (21.08) com preços médios da soja nos portos do Brasil sobre rodas para exportação recuando para a média de R$ 85,95/saca (era R$ 86,14 no dia anterior) no mercado spot. Desta forma, ganhos da soja exportada em agosto também voltaram para 11,20% (11,45%).

“A queda de 0,53% na cotação do dólar e a pequena alta de apenas 3,0 cents/bushel na cotação em Chicago, aliados a um comportamento morno da demanda externa nesta quarta-feira, levaram o preço da soja voltasse a cair 0,22%, nesta quarta-feira. Com isto, os preços oferecidos pelas Tradings nos portos brasileiros caíram”, explica o analista da T&F Consultoria Agroeconômica, Luiz Pacheco.

No mercado interno os preços médios oferecidos pelas indústrias esmagadoras continuaram no território positivo iniciado na última sexta-feira, subindo mais 0,43% (0,51%) para R$ 79,60 (79,26)/saca, aumentando os ganhos do mês para 10,02% (9,55)%. Isso ainda ocorre devido aos efeitos do leilão de óleo para biocombustível realizado nesta semana, mas preparado durante toda a semana passada, de acordo com a T&F.

MUNDIAIS

Na China as cotações da soja no mercado de Dalian fecharam o dia em leve queda a US$ 478,46, contra US$ 479,48 do dia anterior. Em Rotterdam, o principal porto não-China de demanda de soja e subprodutos, a soja-grão foi negociada a US$ 359,20 (354,90 do dia anterior) para novembro, o pellets de soja foi negociado a US$ 358,00 (357,00) t afloat.

Fonte: Agrolink

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-5GJ

Você pode gostar...