Categorias
Agronotícias

BBF anuncia instalação de usina extrusora de soja no PA e investimentos em palma

Soja
O objetivo da ação, segundo a companhia, é aumentar o rendimento do cultivo e tornar a colheita mais eficaz (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

A produtora de biodiesel Brasil BioFuels (BBF) vai instalar uma usina extrusora de soja em Paragominas, no Pará, informou a empresa nesta quarta-feira, destacando que a instalação é a primeira do gênero no Estado do Norte do país.

Segundo a BBF, a nova usina de tratamento permitirá que produtores locais possam extrair óleo e farelo de soja e comercializá-los.

O Pará produz um volume significativo da oleaginosa, tendo a safra 2020/21 estimada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) em 1,86 milhão de toneladas.

“Há uma lacuna nesse negócio na região, principalmente para os pequenos produtores, que não possuem local para armazenar corretamente a soja até ser enviada para outro Estado para ser processada”, disse em nota o presidente da BBF, Milton Steagall.

A companhia não detalhou os valores envolvidos na instalação do ativo.

A Brasil BioFuels que atua também na geração de eletricidade produz o biodiesel utilizado na produção de energia de usinas vencedoras de leilões regulados no Acre, Rondônia, Amazonas (já operacionais) e Roraima (em construção).

“Investir no processamento da soja está em linha com a nossa missão de mudar a matriz energética da região Norte, substituindo o uso de combustíveis fósseis por alternativas renováveis”, afirmou Steagall.

Maior produtora de óleo de palma do Brasil, a BBF também anunciou investimentos no cultivo de palma no Pará, projetando a contratação de 700 empregados no início deste ano para recuperação, trato e manejo das áreas em que cultiva o fruto, também utilizado na produção do biocombustível.

O objetivo da ação, segundo a companhia, é aumentar o rendimento do cultivo e tornar a colheita mais eficaz.

No final do ano passado, a BBF adquiriu a Biopalma, empresa de produção e comercialização de óleo de palma que pertencia à mineradora Vale.

A Biopalma possui quatro polos na região do vale do Acará e baixo Tocantins, no Pará.

Por: Reuters

Fonte: Money Times