Categorias
Exportações

Governo de SP é contra embarque de animais vivos e desagrada setor

A SRB esclarece que a exportação de animais vivos no país é regulamentada em âmbito federal, respeitando normas da Organização Mundial da Saúde Animal (OIE)

Foto: Karlos Geromy/Secap

A Sociedade Rural Brasileira (SRB) divulgou nesta terça-feira, dia 19, uma nota de repúdio ante a decisão do governador de São Paulo, Márcio França, de apoiar o Projeto de Lei 31/2018, que proíbe o embarque de animais vivos no transporte marítimo do Estado com a finalidade de abate para consumo. “A medida vai contra o setor agropecuário e o desenvolvimento econômico do Brasil”, diz o comunicado.

Segundo a nota, outras entidades ligadas à pecuária compartilham da mesma opinião da SRB, dentre elas, a Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Associação Nacional da Pecuária Intensiva (Assocon) e a Associação Brasileira dos Exportadores de Gado (Abeg).

Na segunda-feira, França utilizou sua conta no Twitter para reforçar o apoio ao PL e garantir que o sancionaria. “Já manifestei e reforço 100% o meu apoio à aprovação do Projeto de Lei que proíbe o embarque de animal vivo para exportação nos portos de SP, que está sendo analisado na Alesp. E, assim que isso acontecer, vou sancionar a Lei”, disse o governador na publicação, acompanhada da hashtag “#ProteçãoAnimal”.

A diretora de Pecuária da SRB, Teresa Vendramini, enfatiza que o setor está empenhado em desenvolver e aprimorar as técnicas de manejo e bem-estar animal, e critica “argumentos apontados por organizações que apoiam o projeto de lei”, apesar de a nota não citar quais são esses argumentos. “Dentro de nossas fazendas, procuramos trabalhar com respeito e bem-estar animal. Defendemos que o transporte do gado até o destino final seja regido pelas mesmas práticas adotadas nas propriedades”, afirma Teresa.

O embarque de animais vivos no Estado começou a ganhar repercussão em fevereiro, quando uma decisão judicial suspendeu o transporte de quase 26 mil bois no Porto de Santos. Desde então, a entidade afirma que vem se mobilizando para evitar novas decisões arbitrárias.

“A SRB convocou reuniões com representantes dos portos de Santos e São Sebastião, chefes de frigoríficos, produtores rurais e o (ex) secretário de Agricultura de SP, Arnaldo Jardim”, explica a nota sobre as ações da sociedade rural.

Repost: Canal Rural / UOL

Categorias
Equinos e Muares

Cavalos movimentam R$16 bi por ano. Saiba como você pode lucrar


Daniel-Dias-e-IBN-ALAC-DSD[1]A indústria do cavalo cresceu quase 12% ao ano nos últimos 10 anos. Em 2006 eram R$7,5 bilhões de faturamento bruto anual e em 2015 atingimos R$16 bilhões de reais.

Neste artigo estaremos mostrando aos nossos leitores como essa indústria está organizada e quais são os elos da cadeia que mais faturam. Queremos que você entenda mais sobre a indústria do cavalo, tão apaixonante, e passe a lucrar muito dinheiro com o cavalo!

 

Veja materia completa no Blog do Daniel Dias – Canal Rural

http://blogs.canalrural.com.br/danieldias/2016/03/22/o-agronegocio-equino-ja-movimenta-r15-bi-por-ano-saiba-como-funciona-este-segmento-e-como-voce-pode-lucrar-com-cavalos/

Categorias
Sem Categoria

Fórum de agricultura ocorre em Bruxelas com clima apreensivo – Canal Rural

1458651992180[1]Capital belga registrou duas explosões em atentado terrorista, na manhã desta terça, dia 22; autoridades registram mais de 30 mortos
Canal Rural – Leia mais no link http://www.canalrural.com.br/noticias/noticias/forum-agricultura-ocorrera-bruxelas-mesmo-com-clima-apreensivo-61362
Categorias
Meio Ambiente

Paragominas sai da lista dos maiores desmatadores e dá exemplo para o país

Uma cidade no Estado do Pará que estava na lista dos 36 municípios brasileiros que mais desmatavam a Amazônia hoje serve de modelo para todo o país. Há cerca de cinco anos o desmatamento em Paragominas parou de crescer e hoje a regularização fundiária, problema histórico na região Norte, chega a quase 100% das propriedades do município. (Exibido em 14/11/2013)

[iframe src=”http://videos.ruralbr.com.br/canalrural/videonews/50490″ width=”655″ height=”491″]

Fonte: Canal Rural